31/05/2017

APOSTOLO ROSINALDO

urgente jesus está voltando! "querem clonar Jesus"!


O History Channel mostrou o ambicioso projeto da equipe de Busby no documentário "Jesus Strand". Nele pode-se ver que a sua proposta é apoiada por outros cientistas.

 Mesmo diante do fato de que ninguém até o momento clonou um ser humano, fontes não identificadas têm afirmado que a clonagem de Jesus Cristo, o Filho de Deus, está muito próxima.
A idéia de se fazer um clone de Jesus Cristo foi proposta várias vezes desde que os procedimentos de clonagem foram bem sucedidos. Alguns sugeriram tentar fazê-lo a partir do DNA encontrado no Santo Sudário de Turim, algo rejeitado pela Igreja Católica como a guardiã do material. A última proposta vem de George Busby, da Universidade de Oxford, na Inglaterra
Recentemente foi publicado um artigo na revista "The Conversation", que mostra que os cientistas estão muito perto de encontrar amostras de DNA de Jesus Cristo. Assim, seria possível clonar o seu material genético. A fonte usada para a comparação seria a descoberta de um esqueleto pertencia a Juan el Bautista, primo de Jesus. arqueólogos búlgaros Kazimir Popkonstantinov e Rossina Kostova dizem ter encontrado parte do esqueleto durante uma escavação em uma antiga igreja Sveti Ivan, uma ilha no Mar Negro.



Mas será que podemos chegar ao DNA do Messias? 
George Busby da Universidade de Oxford trabalhou em um documentário do Chanel History chamado 'The Jesus Strand', que estreia em abril. Escrevendo para The Conversation, Busby disse: 'Em 2010, Kasimir Popkonstantinov descobriu o que ele acredita ser os ossos de um dos mais famosos de todos os santos: João Batista. Eu estava interessado no que a análise de DNA poderia nos dizer sobre esses ossos, e outros. "Quando Kasimir mais tarde abriu o relicário, ele encontrou cinco fragmentos de osso. O epitáfio na caixa menor, provavelmente usado para transportar os ossos durante a viagem, foi a peça chave de evidência que o levou a acreditar que os ossos talvez pudessem ser os de João Batista.

"A descoberta é extremamente importante, em parte porque João Batista foi discípulo de Jesus e de seu primo - o que significa que eles compartilhariam DNA. Busby diz que ainda não está claro se o DNA é de João Batista - mas ele falou com outros cientistas que extraíram várias amostras de DNA diferentes do Sudário de Turim.
Outra equipe está trabalhando para extrair DNA do Ossuário de James, uma caixa de giz do primeiro século que pode ter mantido os ossos do Tiago, irmão de Jesus. Busby diz: "Vamos supor, por um momento, que a contaminação poderia ser completamente descartada e que a análise de DNA demonstrou que o DNA do Sudário tinha uma correspondência familiar com o DNA do Ossário de James - e que ambos estão relacionados com os ossos búlgaros. Poderia ser o DNA de Jesus e de sua família?
O History Channel mostrou o ambicioso projeto da equipe de Busby no documentário "Jesus Strand". Nele pode-se ver que a sua proposta é apoiada por outros cientistas.
No entanto, cientistas observam que a probabilidade de o desenho do DNA verdadeiro Cristo ser extraído dos referidos dispositivos é mínima, devido à contaminação. Uma vez que qualquer indivíduo que tocou os restos durante estes quase 2.000 anos poderia deixar suas impressões digitais sobre eles, as amostras podem ser confundidas com o DNA necessário.

Uma pergunta que muitos poderão fazer com relação ao assunto é a seguinte:O produto final dessa experiência, isto é, um suposto clone de Jesus seria um ser da linhagem divina ou a ciência está prestes a criar o Anticristo, à semelhança do frankstein da ficção?

Por jornal 21 brasil